Jornal Correio Popular Notícia

FUMCRIANÇA
Creche Grilo Falante recebe recursos da prefeitura

Data da notícia: 2024-07-05 18:28:30
Foto: Chico Limeira/Divulgação CCS
Mais duas associações municipais foram contempladas nesta semana pelo Fumcriança

A Associação de Integração Social Solidária Divina Providência, responsável pelo Centro Educacional Grilo Falante (1° distrito), recebeu o repasse do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Funcriança), na última quarta-feira (3). A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família (Semasf), entregou o valor de R$ 145 mil.

A fundadora da associação e diretora da Creche Grilo Falante, Angelita Pereira, destacou que os recursos serão usados para a compra de móveis como cadeiras, mesas, bancos, e um redário para leitura, além da contratação de uma assistente social. Ela agradeceu a Prefeitura de Ji-Paraná e a disponibilização dos recursos para creche.

A Associação de Integração Social Solidária Divina Providência busca apoiar famílias de baixa renda, investindo principalmente na prevenção do abandono escolar. Atualmente, a creche atende 220 crianças nas modalidades maternal, de 2 a 3 anos e 11 meses, e pré-escolar, de 4 anos e 11 meses.

Durante a semana, mais duas entidades foram beneficiadas com o Fumcriança. A Associação de Assistência Social Redenção, por meio do Projeto Orquestra Novo Som, recebeu o repasse de R$ 199 mil, e a Associação de Pais e Amigos Excepcionais (Apae) com R$ 400 mil.

O Fumcriança é voltado à promoção e defesa dos direitos da criança e do adolescente. A Prefeitura de Ji-Paraná pretende repassar mais de R$ 2 milhões às entidades cadastradas. A receita é fundamental para a manutenção dos projetos desenvolvidos pelas instituições educacionais.

A Semasf é responsável por cadastrar e fiscalizar as instituições que recebem as doações, além de gerenciar o Funcriança. Os recursos são provenientes de várias fontes, como doações, decisões judiciais e imposto de renda. Qualquer cidadão pode contribuir com até 6% do imposto de renda devido, direcionando recursos para o programa.

Fonte: CCS/Leandro Pereira

Notícia vista 1325 vezes


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.