Jornal Correio Popular Notícia

CARGA EXPLOSIVA
Federal reprime contrabando de combustível

Data da notícia: 2024-02-28 09:27:31
Foto: Assessoria/Divulgação
10 policiais federais foram mobilizados para dar cumprimento aos três mandados de busca e apreensão

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na terça-feira (27), a Operação Carga Explosiva, a fim de desarticular grupo criminoso voltado ao contrabando de combustíveis em Rondônia.

10 policiais federais foram mobilizados para dar cumprimento aos três mandados de busca e apreensão em Guajará-Mirim (2) e Nova-Mamoré (1), expedidos pela 3ª Vara Federal da Seção Judiciária de Rondônia, vara criminal especializada em crimes financeiros, lavagem de capitais e organizações criminosas.

Durante a ação, foram apreendidas duas armas de fogo sem registro, uma delas de uso restrito. O proprietário poderá responder pela prática de crime de posse irregular de arma de fogo de calibre restrito, com pena de até seis anos de reclusão.

Também foram apreendidas um arma de pressão e outras três armas de fogo em situação irregular, além de munições.
A investigação iniciou em 2021, a partir da prisão em flagrante de um suspeito que contrabandeou clandestinamente 500 litros de combustíveis da Bolívia.

Durante os trabalhos, verificou-se que o grupo criminoso atuava nos portos clandestinos de Guajará-Mirim, realizando a importação ilícita de combustíveis para o Brasil.

Os suspeitos poderão responder pelos crimes de contrabando e associação criminosa, dentre outros crimes que vierem a ser descobertos, cujas penas, somadas, podem chegar a 13 anos de prisão.


Carga Explosiva

A operação foi denominada Carga Explosiva devido à disputa pela mercadoria ilegal entre grupos criminosos que atuam no contrabando e descaminho, inclusive com o roubo da carga irregular.

Fonte: Polícia Federal - Assessoria

Notícia vista 11731 vezes


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.