Jornal Correio Popular


ALTO PARAÍSO
Marinha libera balsa que faz travessia de veículos pelo rio Jamari na RO-459

Data da notícia: 2020-03-06 19:10:10
Foto: Assessoria/Divulgação
Agentes fiscalizaram os reparos realizados na balsa que dá acesso a Alto Paraíso, após travessia ser suspensa em 29 de fevereiro

A Marinha liberou, na quinta-feira (5), a balsa que faz a travessia do rio Jamari e permite acesso ao município de Alto Paraíso. Horas antes, agentes de Inspeção Naval da Capitania Fluvial de Porto Velho (CFPV) realizaram a fiscalização.

Os trabalhos de transporte estavam suspensos desde 29 de fevereiro, após apreensão administrativa por irregularidades.
A liberação foi confirmada pelo gerente da empresa Amazônia Navegações, Willam Araújo, responsável pela operação da embarcação. A Marinha informou que os problemas encontrados na balsa foram resolvidos e que, por isso, o serviço foi liberado.

“Acabamos de receber o termo de liberação para que a embarcação possa voltar a operar. Tudo que aconteceu, foi no sentido de melhorar a segurança do tráfego aquaviário. Agradecemos a compreensão da população e do apoio daqueles que trabalharam no sentido de viabilizar a embarcação”, declarou Willam Araújo.

A interdição
Em 29 de fevereiro, a Marinha suspendeu a travessia da balsa ao encontrar irregularidades. Quem quisesse sair ou ter acesso à cidade de Alto Paraíso tinha que percorrer, no mínimo, 30 quilômetros de estrada pavimentação pelo B-40.

Até quarta-feira (4), motoristas que tentavam passar pela RO-459, para chegar ao município, pararam no bloqueio da estrada. Toras de madeira foram colocadas com o propósito de impedir o acesso à balsa.

De acordo com a Amazônia Navegações, o serviço de adequações na embarcação começou no dia 2 de março, mas não foi concluído naquele momento, por conta do período chuvoso.

A travessia começou a ser instalada em março de 2019, mas passou a funcionar apenas em 12 de agosto daquele ano, por atraso nas obras. A Prefeitura de Alto Paraíso entrou na justiça contra o governo de Rondônia. O objetivo foi agilizar o tráfego na rodovia. A embarcação tem capacidade para suportar 450 toneladas.


Fonte: G1


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.