Jornal Correio Popular


AÇÃO DE HACKERS
Ministro do STF diz que ‘há mais fofocas do que fatos’ sobre mensagens hackeadas

Data da notícia: 2019-08-03 12:20:53
Foto: Carlos Humberto/STF/Divulgação
Barroso participou de evento no interior de São Paulo

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luís Roberto Barroso, afirmou, na sexta, 2, de acordo com reportagem do jornal O Estadão, que “parte da agenda brasileira foi sequestrada por criminosos”. Em uma palestra em São José dos Campos, ele criticou o que chamou de “fofocas” em torno da divulgação de mensagens de procuradores da Operação Lava Jato e o ministro da Justiça e Segurança, Sérgio Moro.

“É muito impressionante a quantidade de gente que está eufórica com os hackeadores. Celebrando o crime. E, na minha percepção, há mais fofoca do que fatos relevantes, apesar do esforço de se maximizarem esses fatos. Com um detalhe, e, se tiver alguma coisa errada, o que é certo é certo, e o que é errado é errado. Apesar de todo o estardalhaço que está sendo feito, nada encobre o fato de que a Petrobrás foi devastada pela corrupção”, disse, em imagens do evento divulgadas pelo Jornal Nacional.

Barroso lembrou que a “Petrobrás precisou fazer um acordo de 3 bilhões de dólares em Nova Iorque com investidores estrangeiros” e outro “de 800 bilhões de dólares com o Departamento de Justiça americano”. “então, o judiciário americano faz parte da conspiração”.

“Nada encobre a corrupção sistêmica estrutural e institucionalizada que houve no Brasil. É difícil de entender a euforia que tomou muitos setores da sociedade diante dessa fofocada produzida por criminosos”, completou.

Fonte: Assessoria

Notícia vista 136 vezes


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.