Jornal Correio Popular


DIA D DE VACINAÇÃO
Unidades de saúde participam da Campanha de Vacinação contra o Sarampo

Data da notícia: 2018-08-17 18:59:52
Foto: Assessoria/Divulgação
Crianças com idade entre 1 e 5 anos incompletos devem ser imunizadas contra sarampo e poliomielite

A Prefeitura Municipal de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), realizou, sábado (18), o Dia “D” da Campanha Nacional de Vacinação Contra o Sarampo e a Paralisia Infantil.
Pais ou responsáveis devem procurar qualquer uma das 12 unidades básicas de saúde (UBSs) de Ji-Paraná, para imunizar as crianças com idade entre 1 e 5 anos incompletos.
De acordo com o diretor da Divisão de Imunização (DI), Rafael Araújo, o Dia “D” é uma oportunidade para que os pais que trabalham durante a semana possam levar os filhos para tomarem a dose da vacina contra o sarampo e poliomielite.
“Nós esperamos que a população participe desse mutirão de vacinação”, afirmou Araújo.
A campanha nacional começou em 6 de agosto, mas a Semusa iniciou a vacinação contra o sarampo no dia 16 de julho, após um bebê de cinco meses ser diagnosticado com a doença em Porto Velho.
“Temos que lembrar que não há casos de sarampo e poliomielite registrados em Ji-Paraná, mas é importante que todas as crianças estejam imunizadas. Temos registro de sarampo em Rondônia, por isso precisamos ficar em alerta”, esclareceu o diretor.
Mais de 5,5 mil crianças já foram vacinadas desde o início da campanha em Ji-Paraná, atingindo cerca de 73% do público alvo estabelecido pelo Ministério da Saúde. Segundo o DI, a meta do município é imunizar 7,5 mil crianças até o fim da campanha, no dia 31 de agosto.

Multivacinação
Adultos também devem atualizar a caderneta de vacinação contra as hepatites virais, tétano, febre amarela e a tríplice viral, que protege contra os vírus do sarampo, caxumba e rubéola. Mas, durante a campanha contra sarampo e poliomielite, em agosto, a prioridade é vacinar as crianças. As doses para os adultos estão disponíveis o ano todo.
“As unidades estão bem movimentadas e até adotamos o sistema de senhas para não gerar tumulto. Por isso, pedimos que os adultos esperem finalizar esse período de campanha para procurar a vacinação. Mas não devem esquecer do compromisso de atualizar a caderneta. A proteção de toda a família contras as doenças é extremamente importante”, disse Rafael Araújo.

Fonte: Assessoria

Notícia vista 126 vezes


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.